terça-feira, 20 de novembro de 2007

MENSAGEM SOBRE AS LEIS DIVINAS

Não importa como sentimos as coisas pelo caminho que escolhemos ou pelos portais que quisermos abrir, o que verdadeiramente interessa é a vossa essência, aquilo que vós sois de verdade.

Todos temos afinidades, tanto na terra como no alto, por isso na meditação, mesmo que orientada, todos vós tendes o livre arbítrio, de seguir por onde quiserem, pois todos nós sabemos que o importante realmente é a nossa fé, vão pelo caminho que quiserem, desde que esse caminho vos leve até Ele.

Porquê tanto cepticismo?

Nem tudo pode ter lógica, os que se perdem com a lógica terrena, ficam para trás a perder tempo, a mensagem é deixarmos o coração aberto, é deixarmos fluir, é deixarmos Jesus entrar, e depois de vivificarmos tudo o que ele nos mostra, vocês terão a resposta.

As Leis Divinas não precisam de ter lógica, não precisam de cepticismo, precisam sim, é de as vivificarem, e para as vivificarem só temos que ser limpos de coração, serem vocês mesmo, entenderem que não são donos de nada, apenas podemos usufruir do que nos é permitido para viver a vida bem, mas sem apegos, pois nós só viemos para cumprir a nossa missão, para melhorarmos como pessoas, melhorarmos o Mundo, e compreendermos que esta passagem foi a nossa escolha e que pedimos para vir para evoluirmos e queimar todo o karma que trazemos detrás, se não entenderem isto, não vão conseguir ser Anjos e então vão e vêm com todo o trajecto para ser cumprido novamente, até perceberem que a Luz Divina, o Céu é que nos trás a felicidade eterna.

Não vale a pena andarem a dizer que são crentes e a bater com a mão no peito, que são espiritualistas, que fazem reuniões para falar com o Mestre, se na vossa vida no dia a dia não percebem que são vocês que têm que mudar.

Deixemos de ser hipócritas, sigam sem medos, vão até ao vosso fundo mais intimo e vejam se as vossas escolhas são as mais certas, se estão de acordo sobre o que a vossa essência vos diz, e mesmo que custe, mesmo que doa, mesmo que faça chorar, libertem-se, deixem vir ao decima o vosso eu interior, e aí sim, começam a perceber o que o Mestre quer de vós, então vão ser felizes.

Mensagem recebido do seu Guia por Chekinara (Setembro 2007)

2 Comentários:

Blogger Ana, a Estrelinha disse...

oi...
outro blog muito bonito, sobre um tema que me interessa bastante.

gostei muito

17 de dezembro de 2007 às 23:28  
Blogger Chekinara disse...

Obrigado Ana visite-nos sempre.

Um abraço

Chekinara

18 de dezembro de 2007 às 00:45  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial